Exper News - TI

Tecnologia da Informação

 


Comércio exterior inova ao aderir a um plano estratégico em TI

fonte Dino

Vivemos a era da informação, na qual a tecnologia possui um papel central em nossas vidas. Equipamentos eletrônicos como notebooks, tablets, smartphones e as redes sociais modificaram a dinâmica do cotidiano na maioria do planeta. A internet permitiu, acima de tudo, aumentar a velocidade da comunicação entre as pessoas e a troca de informações em tempo real.

Essa evolução tecnológica também afetou os mais diferentes mercados, alterando a logística, o transporte, o armazenamento de mercadorias e a maneira como cliente e fornecedor se relacionam. Um dos nichos mais transformados por essa nova lógica foi o comércio exterior, que aperfeiçoou processos e viu na tecnologia uma importante aliada para o crescimento e melhoria de suas atividades.

Desde a década de 50, a importação e exportação começam a agregar novas técnicas, muitas delas advindas de tecnologia militar. Mas, é a partir das décadas de 80 e 90 que o comércio exterior faz uso da tecnologia da informação no dia a dia: automação, softwares de gerenciamento de processos, telefonia e internet foram algumas das ferramentas implementadas.

"Empresas importadoras, agentes de cargas e despachantes aduaneiros precisam estar cientes da importância de um plano estratégico eficiente em tecnologia da informação para se manterem competitivos e satisfazerem as exigências do novo mercado nacional e internacional", é o que comenta Marcio Rodrigues da e.Mix - Serviços Inteligentes em Comércio Exterior, empresa que atende os principais agentes de carga do mundo. "Além disso, é essencial, além de possuir as ferramentas certas, saber onde, como e quando usá-las", complementa.

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: VANTAGENS E BENEFÍCIOS 
A tecnologia da informação tem impactos muito positivos, melhorando o dia a dia dos profissionais de comex e clientes envolvidos no processo. Os impactos mais notáveis estão relacionados à agilidade, produtividade e qualidade no trabalho, como cita Nícolas Lourençon, também da e.Mix, que atende diversas empresas do setor, auxiliando na implementação dos sistemas automatizados.

INTEGRAÇÃO: vemos que o uso de softwares para comércio exterior promove uma maior integração entre os diferentes setores das empresas que atendemos, valorizando o trabalho em equipe e aproximando os colaboradores em torno de um objetivo em comum.

AGILIDADE: com a automação as empresas nossas clientes também ganharam em termos de velocidade. Todos os processos ficam mais ágeis por seguirem uma lógica pré-estabelecida (work flow) e pautada por dados factíveis que podem ser mensurados e estudados - visando a melhoria contínua.

QUALIDADE: o gerenciamento de processos também melhorou a qualidade dos serviços prestados pelas empresas que adotaram os sistemas. Há muito mais dados disponíveis e com eles uma maior segurança ao se tomar decisões que influenciam diretamente no resultado do trabalho e na satisfação dos clientes.

RASTREAMENTO: a adoção da tecnologia da informação fez com que todas as atividades sejam rastreáveis dentro da empresa. Dessa forma, hoje é possível dar um feedback aos clientes sobre o que está acontecendo com suas cargas, por exemplo, em tempo real.

REDUÇÃO DE DESPESAS: um dos pontos mais interessantes da adoção de sistemas para comércio exterior é minimizar os custos, pois ao digitalizar os processos, as empresas gastam menos com papéis e espaços físicos para depósito de documentos, sem contar na redução de custos operacionais com o aumento da produtividade.

QUALIDADE DE VIDA DOS COLABORADORES: a automação de processos também tem benefícios para as pessoas, aumentando a qualidade do dia a dia dos colaboradores, pois diminui os trabalhos repetitivos, aumenta a produtividade, promove a redução dos números de erros e falhas, e com isso todos ficam mais motivados.

MELHORA DO AMBIENTE INTERNO: finalizando as vantagens da adoção de sistemas automatizados, sem dúvida temos a melhora do ambiente corporativo como um todo, pois os colaboradores ficam muito mais motivados ao trabalharem com o que realmente importa, ao invés de dedicarem tempo a atividades meramente burocráticas.

PERSPECTIVAS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO NO BRASIL 
No Brasil, a TI se fez presente a partir da década de 90. Percebendo a importância e as melhorias que a tecnologia poderia proporcionar às empresas, numa época em que o país lutava para conquistar novos mercados e parceiros comerciais, o governo criou o Siscomex - Sistema Integrado de Comércio Exterior. Esse sistema engloba todas as etapas e atividades relacionadas com importação e exportação, centralizando as operações, integrando os órgãos anuentes e facilitando o acompanhamento das informações.

"Atualmente o Brasil luta para diminuir cada vez mais a burocracia desnecessária e promover reformas no comércio exterior que auxiliem as empresas a serem mais competitivas, através de incentivos públicos, melhoria da estrutura de logística e redução de tarifas", comenta Marcio Rodrigues. Além disso, o país ainda precisa tornar comum o uso dos softwares para comércio exterior, pois "por incrível que pareça até hoje existem empreendedores que não conhecem ou têm receio em investir na tecnologia da informação", complementa o profissional da e.Mix. A combinação desses fatores faria o Brasil conquistar novos horizontes, melhorando direta e indiretamente a vida dos envolvidos em comércio exterior.

e.Mix 
A e.Mix é uma empresa brasileira que atua há 20 anos em parceria com profissionais da importação e exportação, fornecendo softwares para comércio exterior de alta qualidade. Com sistemas extremamente fáceis de usar e intuitivos, os colaboradores de sua empresa terão na e.Mix uma grande aliada em seu cotidiano.

O plano estratégico é um aliado ao usar a tecnologia da informação, pois indica onde, como e quando utilizar a automação. Existem coisas mais importantes nos processos de Comex do que ficar consultando o Siscomex, Mantra ou Mercante - é necessário saber aproveitar esses dados corretamente, explica Nícolas Lourençon.

Um dos grandes diferenciais da e.Mix é que ela estará presente durante todo o processo de adoção da tecnologia, desde a escolha do software mais indicado, até o momento do uso e posteriormente recebendo o feedback para melhoria contínua.

Navegue no site e conheça os serviços que a e.Mix tem a oferecer para facilitar o gerenciamento de processos em sua empresa: www.emix.com.br